DEPRESSÃO e as suas formas

O transtorno do humor, do qual fazem parte as formas de depressão, constituem um problema de saúde publica, devido á elevada frequência. Apesar disso, são dificilmente reconhecidos e, quando diagnosticados, quase sempre são tratados de forma inadequada.

Normalmente, trazem incapacitação ao paciente e importante prejuízo á sua vida, retirando-o definitivamente do trabalho, colocando-o em risco, destruindo a convivência social e familiar, quando não o leva ás drogas ao álcool ou um outro qualquer comportamento patológico destrutivo.

Como psicoterapêuta, sofro com os meus pacientes, porque muitos chegam entupidos de medicação já completamente robotizados e dissociados de si mesmos.

Além da psicoterapia que ajuda no entendimento e ressignificação, também há técnicas hipnóticas que trazem profundas transformações. Não só a hipnose clínica, como a regressiva, ajudando cada uma delas de uma forma muito particular, na dissociação do problema, entendimento, ressignificação e libertação dessa energia limitante, obsessiva ou manipuladora.

DEPRESSÃO e as suas formas

Os sintomas de um depressivo:

– Humor triste ou irritado

– Desânimo

– Falta de esperança no futuro

O pode vir acompanhado de sintomas secundários:

– Transtorno do sono, como insónia ou muito sono

– Apetite modificado

– Ideias de inutilidade ou isolamento

– Pensamentos suicidas

Ansiedade e agitação

– Problemas orgânicos

Tratamento da depressão

Não há necessidade de eventos externos stressantes para o aparecimento de crises, mas eles podem ser elementos disparadores para novas crises.

O estado depressivo é uma vivência profunda, na qual a existência do sujeito se torna muitas vezes, vazia e sem qualquer perspectiva. Os pensamentos negativos invadem a mente, numa lente obscura que lhe tira todo o colorido.

Nos tempos que correm não há qualquer necessidade de prolongar essa dor, esse sentimento de completo desanimo, numa postura de quem já se rendeu a esse estado de existência miserável.  Há saída!

Artigo DEPRESSÃO e as suas formas - inpoup

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*